Olha que barato:

  • Manchete do Estadão – PF: “Bancos começam a reduzir o crédito”.
  • Manchete do Valor – PJ: “Aumenta o crédito para as empresas”.

O Estadão quis falar sobre o maior conservadorismo das Financeiras – as maiores pertencem a conglomerados financeiros. Aos poucos, estas vão ficando mais seletivas, e.g. exigem uma entrada maior, reduzem os prazos, conferem melhor a renda do cidadão, etc. Acho que é um movimento bem-vindo.

Já o Valor entrevistou alguns executivos de bancos, que mostraram confiança que a inadimplência ainda não assusta e o que a demanda está em alta. Acho normal, afinal, a economia ainda está em crescimento e tem muita empresa tomando empréstimo por conta da maior necessidade de capital de giro e ampliação da capacidade produtiva. No entanto, em breve, esta curva vai inverter. Os bancos já estão sendo mais seletivos, da mesma forma que estão fazendo para com as PF’s. Por exemplo, sendo mais cuidadosos com as garantias (duplicatas, cheques, VISA, etc.).

Nada de novo para quem lê este blog, pois venho tratando do tema ‘ad nauseum’.

Abs, FB

Anúncios