A semana será quente aqui na Coface, i.e. menos posts no Blog do Crédito…

O link abaixo traz uma polêmica entrevista que o ministro das finanças do Reino Unido (que muitos insistem em chamar de Inglaterra), o escocês Alistair Darling, deu para o jornal The Guardian. Veja o link: ele toca fogo nas perspectivas econômicas da Ilha. Junto com França, Alemanha e Espanha – só para citar os mais relevantes -, não há muito do que se esperar da Europa.

Aliás, causa-me espanto a forma pouco profunda que a mídia brasileira – e seus analistas regulares – vem dando à situação econômica internacional. Primeiro, foi a catarse coletiva com o crescimento econômico americano no segundo trimestre: jornalistas importantes e veteranos como Celso Ming, C.A.Sardenberg e Alberto Tames prefiraram louvar a “incrível capacidade da economia americana de surpreender e reerguer-se”, quando nem os mais ufanistas economistas americanos foram capazes de comemorar o citado crescimento, como fizeram os brasileiros. Depois é o maior desdém com a fragilidade econômica de Japão e Europa…

E viva o Brasil “blindado”!

Boa leitura + abraços, F.

http://www.guardian.co.uk/politics/2008/aug/30/economy.alistairdarling

Anúncios