Meus comentários são:

1. A reação nas bolsas era esperada. A turma precisa de notícia, boa ou ruim, para o trading. Nada que indique tendência, pois ao primeiro mau sinal vindo, por exemplo, dos balanços dos bancos, a volatilidade jogará contra de novo.

2. O FED e todos os bancos centrais (inclusive o nosso) estão ‘batendo cabeça’ na solução do REAL problema desta crise: a falta de irrigação do crédito para a economia real. A combinação de desconfiança generalizada e a perspectiva de recessão está matando o crédito e retro-alimentando a crise.

3. Tudo isso para dizer: baixar juros não resolve essa questão, muito pelo contrário. Quanto mais baixos os juros, menor o estímulo para o banco emprestar. Talvez até o faça, mas com um tremendo spread. De qualquer forma, entre lucros & perdas, a decisão é BEM-VINDA porque ajuda a desafogar um pouco os endividados americanos. Mas só um pouco, porque os juros já estavam baixos…

4. Para nós, aqui no Brasil, o efeito será imaterial. Aplicações adicionais de nossas reservas renderão um pouco menos e como não estamos captando nada lá fora, não teremos economias significativas no passivo também.

O link abaixo, da Bloomberg, é muito informativo e nos atualiza sobre o quadro geral.

http://www.bloomberg.com/apps/news?pid=20601087&sid=awpa6f1vDwlg&refer=home

E aqui, hein, o que o nosso COPOM estará decidindo enquanto escrevo? Comentarei sobre a SELIC no Plantão da Madrugada…

Abraços, Fernando